Compartilhe

O processo operacional financeiro é vital para o sucesso de um negócio, as áreas: controladoria, fiscal e tesouraria auxiliam no processo de contabilidade do negócio, na gestão do caixa e na análise de resultados (lucratividade) da empresa.

Com mais de 35 anos no mundo empresarial e desde 2015 à frente da MORCONE Consultoria Empresarial, ajudando empresas na gestão financeira, hoje trago um artigo sobre a função da tesouraria em uma empresa e a sua importância para a saúde financeira de um negócio.

Para começar, vale ressaltar que a tesouraria é essencial em TODOS os negócios, isso por que é responsável pelo controle do fluxo de caixa, ajuda a fornecer os dados para a tomada de decisões estratégicas e é fundamental para fornecer os melhores resultados em uma empresa, gerando lucro operacional e aumento de patrimônio.

A tesouraria é o meio de monitoramento pelo qual ocorrem todas as entradas e saídas de caixa. A boa gestão de tesouraria garante que haja dinheiro o suficiente no caixa para garantir a fluidez de todas as operações da empresa, além disso, no caso de lucro acima do esperado, pode auxiliar para que investimentos futuros possam ser realizados da maneira certa.

Leia: Entenda sobre os principais tipos de planejamento orçamentário

Gestão da Tesouraria – Empresas não devem ignorá-la

A função da tesouraria em uma empresa engloba:

  • Atualização de cadastros;
  • Controle das contas a pagar;
  • Controle das contas a receber;
  • Controle do fluxo de caixa;
  • Auxilia em um caso de captação de recursos para a empresa;
  • Auxilia na aplicação de recursos financeiros;
  • Ajuda na conciliação bancária, confirmando se as operações de pagamentos e recebimentos foram realizadas dentro do prazo previsto.

Atualização de cadastros

A tesouraria auxilia no controle de quem deve para a empresa e para quem a empresa deve pagar, sendo assim, a gestão da tesouraria ajuda a manter atualizados os cadastros dos clientes e fornecedores.

Se uma empresa não contar com a tesouraria, por exemplo, não saberá quais as movimentações financeiras que deverá fazer em curto prazo, o que pode se transformar em um verdadeiro caos.

Pagamento e recebimento de contas

Sem esse controle minucioso do pagamento e recebimento de contas, as empresas podem vir a quebrar, além disso, esse controle é fundamental para a lucratividade da empresa.

Outra função importante da tesouraria é ajudar a empresa no processo que envolve escolher o melhor regime tributário que se adeque à sua real necessidade.

Fluxo de Caixa

O fluxo de caixa é o centro de decisões da empresa e é a ferramenta pela qual as atividades acima são realizadas. O controle do fluxo de caixa é fundamental para que haja a avaliação de se o faturamento do negócio está de acordo com o que foi previamente planejado.

Atualmente, há uma série de softwares que ajudam no controle do fluxo de caixa, que engloba a função da tesouraria.

Quando em um negócio a gestão da tesouraria é realizada da maneira correta, os riscos de não resistir às oscilações do mercado são menores, isso porque a função da tesouraria em uma empresa é o controle diário das movimentações financeiras, assim como ajuda na identificação em casos de desequilíbrios nas finanças, acionando no gestor a preocupação em relação ao capital de giro necessário.

O negócio consegue, por meio da gestão da tesouraria ter a certeza de se os recursos financeiros da empresa são o suficiente para cobrir todos os compromissos.  Funciona como um dos “mapas” para ajudar o negócio a saber quais direções seguir, o que precisa solucionar, qual a realidade sobre os lucros e se existe espaço para investimentos de curto e longo prazo. A tesouraria ajuda a empresa a pagar as contas, sem deixar o caixa no vermelho.

Confira: Margem de Contribuição Unitária e Ponto de Equilíbrio – Entenda

Captação de recursos para a empresa

É função da tesouraria em uma empresa a captação e aplicação dos recursos, essa ferramenta ajuda na definição de quais são as melhores linhas de crédito, que gerarão os menores custos para o negócio.

Vale salientar que o fluxo de caixa deve ser mantido de maneira organizada, afinal, será o meio pelo qual será detectada a necessidade da busca de mais recursos.

Todas as ferramentas de gestão financeira se complementam e não se pode contar com bons resultados econômicos se no negócio há desequilíbrio ou falta de algumas dessas ferramentas

Gestão da tesouraria – necessidade para empresas de todos os portes

Independentemente do segmento e porte, as empresas precisam contar com a tesouraria. Essas atividades operacionais são realizadas por profissionais especializados, ou, em muitos casos, empresas terceirizam essa função. Essa é uma decisão que depende da realidade da empresa.

Os pequenos negócios, por exemplo, podem encontrar na terceirização de seus processos a solução, isso porque os sócios não se sentirão sobrecarregados com essa parte mais operacional e, além disso, os processos de gestão financeira ocorrem de forma especializada e organizada.

Empresas que desejam crescer, não podem ignorar a importância da tesouraria em seu processo operacional financeiro, em muitos casos, contar com profissionais experientes para reorganizar a gestão financeira, é uma ótima solução.


Compartilhe